Author Archives: Dr.(a)

Os pontos

meridian image1 300x176 - Os pontos

Dois principais, dois acessórios;

Os principais:

O primeiro está situado sobre as costas, a dois dedos travessos para cada lado da espinha dorsal, ao nível da terceira vértebra dorsal.
Apanha-se a saliência vertebral na base da nuca e depois conta-se três para baixo. Es tá-se ao nível do
ponto.

O segundo está sobre o peito, entre os dois seios, à altura dos mamilos, sobre o esterno.

Os acessórios:

O primeiro está situado sobre a ponta da maçã-de-adão.

O segundo sobre o lado exterior da barriga da perna, a dois dedos abaixo da meia distância joelho-tornozelo.
E particularmente importante em caso de expectoração abundante.

Os pontos

meridian image2 300x176 - Os pontos

Sendo todos igualmente importantes, dividem-se da seguinte forma:

Pontos na origem das lesões e pontos ao nível das lesões.

1) Pontos na origem: Nas hemiplegias (paralisia de metade do corpo), estes pontos estão situados sobre
o crânio:

O mais importante, no topo deste, na junção da linha mediana e daquela que passa pelas duas orelhas: um outro, na nuca, no rebordo posterior do crânio, no meio deste.

Nas paraplegias (paralisia das duas pernas), o ponto está situado na região lombar, por cima do osso sacro, sob a última vértebra sensível ao dedo (quarta vértebra lombar).

Nas polinevrites, o ponto está situado sobre o lado exterior da barriga da perna, adiante da cabeça do perónio.

2) Pontos ao nível das lesões: Para o ombro, a meio do declive deste:

Para o braço, na extremidade exterior da dobra do cotovelo;

Para o antebraço, a meio deste (do lado do dorso da mão), a meia distância entre

Os seus bordos e as dobras do cotovelo e do pulso;

Para a mão, sobre o dorso da mão;

Para os dedos, ao longo destes;

Para a anca, por trás da cabeça do fémur;

Para a coxa, ao meio das faces anterior e posterior;

Para a perna, adiante da cabeça do perónio;

Para o pé, a meio da dobra dorsal do pé e do dorso deste;

Para os dedos do pé, na base destes.

Formas

am 227888 3187279 374501 300x225 - Formas

O doente começa a sofrer, por vezes desde muito jovem, na sequência de um esforço feito em má posição. Quis apanhar qualquer coisa, deslocar um objecto pesado, etc. Sentiu uma verdadeira «facada nos rins» e ficou «paralisado». É o lumbago agudo, que faz o doente ficar «derreado».

O doente fica imobilizado, deixa de poder dar um passo. Este acidente dura alguns dias, ou mesmo algumas semanas. Depois, espontaneamente, regressa-se lentamente à normalidade.

Mas, na maior parte dos casos, o acidente recomeça; o doente fica novamente imobilizado, daí a mais ou menos tempo.

E, de lumbago agudo em lumbago agudo, o doente transforma-se num lombálgico crónico, que está sempre com dores, particularmente de manhã, ao levantar, e que, de vez em quando, fica imobilizado.

Não se imagina, além dos sofrimentos pessoais, o prejuízo económico provocado por estas perturbações. É uma das causas principais das interrupções de trabalho e dos défices dos organismos da previdência social.

Formas

1018175351 300x225 - Formas

Podem ser atingidas outras glândulas além das parótidas; é isso que confere gravidade à doença. Não são especialmente as glândulas salivares que estão em causa, mas sobretudo as glândulas genitais. Testículos no homem, o que provoca uma «orquite», e ovário na mulher, os quais, atingidos, além das vivas dores que provocam, podem levar à esterilidade.

Sabe-se também que a papeira pode atacar o pâncreas, o que pode vir a ser um ponto de partida para a diabetes.

Finalmente, dão origem, com bastante frequência na criança, a uma meningite impressionante, mas sem gravidade real.

Os pontos

meridian image 300x176 - Os pontos

Um principal, dois acessórios:

O ponto principal está situado sobre o bordo da mão que prolonga o dedo mínimo, no prolongamento da linha do coração contra o osso que designamos como o quinto metacárpico.

Os dois pontos acessórios:

O primeiro, a dois dedos acima do meio da barriga da perna, do seu lado exterior.

O segundo sobre o dorso da mão entre o indicador e o médio.

Os Pontos

meridian image1 300x176 - Os Pontos

Dois principais, dois acessórios:

Os pontos principais:

O primeiro está situado sobre o dorso do polegar, no ângulo da unha do lado do indicador.

O segundo a um dedo atrás do ângulo do maxilar.

Os pontos acessórios:

O primeiro sobre as costas da mão, no ângulo dos ossos que vão na direção do polegar e do indicador.

O segundo na extremidade do segundo dedo do pé, do lado orientado para o exterior, no ângulo da unha do dedo.

Os pontos

meridian image2 300x176 - Os pontos

Há pontos comuns a todas as perturbações das regras. Outros atuam mais particularmente sobre as dores ou a duração do ciclo Assim, descrevê-los-emos uns após outros.

1) Pontos comuns:

Existem dois:

O primeiro sobre o ventre, a meio caminho entre o umbigo e o púbis.

O segundo sobre o lado interior da barriga da perna, a uma mão acima do tornozelo, sobre o bordo posterior da tíbia,
numa pequena concavidade.

2) Pontos particulares para cada perturbação, a acrescentar aos precedentes para as dores: um ponto situado sobre o bordo superior do púbis, sobre um pequeno osso situado a dois dedos da linha mediana.

Um outro a uma mão abaixo da dobra do joelho, sobre o lado exterior da perna.

Para os ciclos abreviados (menos de vinte e oito dias): um ponto situado sobre a face anterior da coxa.

Colocando a palma da mão sobre a rótula, o polegar indica o ponto a estimular.

O segundo entre os dois primeiros dedos do pé.

Para os ciclos prolongados: um ponto situado sobre o bordo interior do pé, sobre o osso, a metade do comprimento desse bordo.

Um outro ao fundo das costas, no bordo superior do osso sacro.

 

Dr.(a), autor em Pontos que Curam | ferramenta de diagnóstico e esclarecimento. Arquivo | Pontos que Curam | ferramenta de diagnóstico e esclarecimento.
Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com