Category Archives: Reumatologia

Sinais

joelho get 300x190 - Sinais

São três os principais:
-A dor, mais pronunciada na marcha, sobretudo nas escadas, ao subir ou, mais ainda, ao descer;

-A deformação de toda ou de parte da articulação;

-O derrame da sinóvia —hidrartrose em termos científicos —, isto é, do líquido interno da articulação. Esta hidrartrose pode existir em qualquer articulação, mas é particularmente importante ao nível do joelho.

Formas

am 227888 3187279 374501 300x225 - Formas

O doente começa a sofrer, por vezes desde muito jovem, na sequência de um esforço feito em má posição. Quis apanhar qualquer coisa, deslocar um objecto pesado, etc. Sentiu uma verdadeira «facada nos rins» e ficou «paralisado». É o lumbago agudo, que faz o doente ficar «derreado».

O doente fica imobilizado, deixa de poder dar um passo. Este acidente dura alguns dias, ou mesmo algumas semanas. Depois, espontaneamente, regressa-se lentamente à normalidade.

Mas, na maior parte dos casos, o acidente recomeça; o doente fica novamente imobilizado, daí a mais ou menos tempo.

E, de lumbago agudo em lumbago agudo, o doente transforma-se num lombálgico crónico, que está sempre com dores, particularmente de manhã, ao levantar, e que, de vez em quando, fica imobilizado.

Não se imagina, além dos sofrimentos pessoais, o prejuízo económico provocado por estas perturbações. É uma das causas principais das interrupções de trabalho e dos défices dos organismos da previdência social.

Os pontos

meridian image 300x176 - Os pontos

Um principal, dois acessórios:

O ponto principal está situado sobre o bordo da mão que prolonga o dedo mínimo, no prolongamento da linha do coração contra o osso que designamos como o quinto metacárpico.

Os dois pontos acessórios:

O primeiro, a dois dedos acima do meio da barriga da perna, do seu lado exterior.

O segundo sobre o dorso da mão entre o indicador e o médio.

Tratamento habitual

DSCN0665 300x169 - Tratamento habitual

Embora o tratamento das fracturas esteja fora de discussão (gesso obrigatório), não há uma regra geral para o tratamento das entorses.

Certos casos devem ser ligados, ou até engessados, outros não; há cirurgiões que põem o doente em repouso. Outros fazem-no caminhar rapidamente; alguns recomendam aplicações de água quente, ou de água fria, ou até mesmo de gelo.

Causas

Lya 300x225 - Causas

A patologia do tornozelo é traumática na maioria dos casos.

Na sequência de um choque direto ou, mais frequentemente, de um movimento forçado do pé, há qualquer coisa que cede; ou um osso, e é uma fratura, ou um ou vários ligamentos, e temos uma entorse.

A radiografia mostra que as duas coisas estão frequentemente associadas; fractura parcelar associada a uma entorse ou rutura de ligamentos, que vem complicar uma fratura.

Sinais e formas

DSC00099 300x225 - Sinais e formas

Há assim duas origens muito diversas para as dores de pulso:

1) A artrite do pulso, que atinge a articulação, muitas vezes devido a uma doença inflamatória como a poliartrite. É dolorosa e provoca inchaço e deformação;

2) Aquilo que designamos «síndroma do canal cárpico» que se traduz por dores da palma da mão e sobretudo um entorpecimento, um formigueiro, por vezes uma sensação de queimadura da mão e dos dedos, especialmente de noite.
A mulher, na menopausa, é frequentemente atingida por esta afeção.

Reumatologia | Pontos que Curam | ferramenta de diagnóstico e esclarecimento.
Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com