Tag Archives: Face

Os pontos

meridian image 300x176 - Os pontos

Dois principais, quatro acessórios:

Os principais:

Um na extremidade externa da ruga de flexão do cotovelo.

O segundo sobre a face anterior da coxa: colocando a palma da mão sobre a rótula, com os dedos afastados, o polegar indica a localização do ponto.

Os acessórios:

Ao nível das placas, apertar o seu contorno «em cruz».

Para tratar certas formas especiais:

— Face e couro cabeludo:

utilizar um ponto situado sobre o antebraço, no sítio onde se encontra a pulsação, a uma mão acima da dobra do pulso;

— Palmas das mãos e unhas:

utilizar um ponto situado sobre o dorso do pulso, entre os dois ossos;

— Plantas dos pés:

utilizar o ponto situado sobre o dorso do pé, a meio caminho entre os seus bordos e as suas extremidades.

Sinais

IMGP1496 300x225 - Sinais

O doente apresenta um aspeto muito característico. O rosto está desviado, repuxado para o lado são, porque desse lado os músculos mantêm a sua tonicidade, a sua eficácia.

Pelo contrário, do lado doente, a face está flácida, as rugas da pele desaparecem, o olho deixa de fechar, os lábios erguem-se a cada movimento respiratório (diz-se que o doente «fuma cachimbo»).

Sinais e formas

1413980 86105267 menor 300x220 - Sinais e formas

Todas as doenças dos dentes, do nariz, dos seios faciais podem manifestar-se através de uma dor na face. Mas a forma mais específica das dores da face é a nevralgia facial, ligada à afecção do nervo trigémeo.

Por que é que este nervo tem um nome tão curioso? Porque, sendo aquele que dá sensibilidade à face, divide-se em três ramificações que emergem na pele em três pontos situados quase numa vertical, junto à
extremidade interna da sobrancelha, sob o olho e sobre a parte lateral do queixo.

Cada um destes «três gémeos» pode ser afetado pela doença, ou todos ao mesmo tempo.

Na forma típica, a nevralgia facial não engana; trata-se de um relâmpago doloroso, um verdadeiro flash como o dos fotógrafos, que segue muitas vezes o afloramento de uma zona dita «gatilho», trigger zone em inglês, sobre a maçã do rosto, as gengivas ou o nariz. A dor dura alguns segundos, mas que segundos!

Ela impede o infeliz doente de comer, de lavar os dentes, até mesmo de falar ou de rir. Pelo contrário, geralmente, entre duas crises (mas elas repetem-se, por vezes, com uma tão grande frequência!), não existe qualquer dor. Todavia, há que realçar que, noutros casos, existem dores menos intensas, mas
contínuas, que muitas vezes se fazem acompanhar de uma vermelhidão da face.

Tag "Face" | Pontos que Curam | ferramenta de diagnóstico e esclarecimento.
Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com