Tag Archives: Mão

As dores de ombros

ombro 264x300 - As dores de ombros

Distinguimos duas grandes variedades de «reumatismos» do ombro:

— A periartrite escapulumeral (p. a. e. u.);

— A nevralgia cervicobraquial (n. c. b.). O que se esconde sob estas designações bárbaras?

— A p. a. e. u. representa uma inflamação do conjunto dos elementos situados em redor do ombro: articulações, músculos, tendões, etc-

— A n. c. b., pelo contrário, é a irritação de um nervo que percorre o ombro e o braço.

Embora haja casos difíceis, geralmente a diferença pode ser feita com bastante facilidade.

Na p. a. e. u., a dor encontra-se limitada ao ombro. Há pouca difusão pelo braço. Mas, pelo contrário, o ombro fica frequentemente imobilizado, o doente não se pode mexer ou qualquer movimento é infinitamente doloroso.

Na n. c. b. não existe, em geral, limitação de movimentos, mas a dor vai do pescoço para a mão, muitas vezes acompanhada por guinadas, formigueiros, etc.

Iremos, sucessivamente, descrever as duas formas.

Os pontos

meridian image2 300x176 - Os pontos

Dois principais, quatro acessórios

Os principais:

Dois pontos principais para todas as bronquites:

O primeiro está situado de ambos os lados da ponta da sétima vértebra cervical, a primeira saliência na base da nuca.

O segundo, a dois dedos para cada lado da saliência da terceira vértebra dorsal, isto é, a terceira saliência sob a precedente.

Os acessórios:

Dois pontos a acrescentar nas bronquites agudas:

O primeiro sob a saliência da sétima cervical.

O segundo sobre o pulso (onde encontramos a pulsação), a uma mão abaixo da sua dobra.

Dois pontos a acrescentar nas bronquites crónicas:

O primeiro no ângulo formado pelo prolongamento do polegar e do indicador, sobre o dorso da mão.

O segundo sobre a face externa da barriga da perna, a dois dedos acima do meio da linha joelho-tornozelo.

Os pontos

meridian image 300x176 - Os pontos

Há dois principais, um acessório:

O primeiro está situado sobre o dorso da mão, a dois dedos acima da dobra do pulso, entre os dois ossos do antebraço.

O segundo na ponta da dobra do pulso, do lado do dedo mínimo.

Um ponto suplementar deve ser acrescentado no caso do síndroma cárpico: está situado mesmo a meio da
dobra do pulso, do lado da palma da mão. É preciso massajá-lo com muita força e muito profundamente até
ao contacto do osso.

Formas

psoriase 300x225 - Formas

Sendo estas extremamente variadas, descreveremos aquilo que se vê na mais frequente destas doenças, a psoríase.

Nela encontramos, na maioria dos casos, placas mais ou menos grandes, geralmente isoladas, que afetam certas regiões do corpo, cotovelos, joelhos, mas que geralmente não «fazem comichão».

Por vezes, as placas estendem-se, reúnem-se, cobrem quase todo o corpo do doente. Este vai perdendo escamas abundantemente: encontramo-las na sua roupa, na cama etc.

Noutros casos, a psoríase só afeta uma parte do corpo: palma das mãos e planta dos pés ou couro cabeludo (é uma das raras psoríases que provocam prurido), ou então destroem as unhas.

Nessas formas limite, o diagnóstico é difícil com outras doenças da pele (líquen plano, etc).

Modo de emprego

images 115 - Modo de emprego

É preciso estimular longamente estes quatro pontos, quer à mão, quer por meio de uma estimulação elétrica, de manhã e à noite. Convém obter uma sensação de adormecimento ao nível da bexiga. Pode-se assim igualmente aliviar as crises e evitar as recaídas, sobretudo das cistites.

Os pontos

meridian image2 300x176 - Os pontos

Principal, acessórios:

Principal:

Está situado sobre o lado do pulso que continua a palma da mão, a uma mão da parte superior da sua dobra, no sítio onde bate a artéria que nos dá a pulsação.

Acessórios:

Sobre o rebordo interno da sobrancelha, para uma crise do primeiro ramo do trigémeo; sob o olho, a meio do rebordo da órbita, para o segundo; sobre o lado do queixo, a dois dedos da linha mediana, para o terceiro.

Os pontos

meridian image 300x176 - Os pontos

Há três, de igual importância:

O primeiro está situado sobre o ventre, a meio caminho entre o umbigo e a extremidade inferior do esterno (apêndice tifóide dos anatomistas).

O segundo, sobre o lado externo da perna, uma mão acima do tornozelo exterior: aplique a sua mão sobre esta face, o polegar indica o ponto.

O terceiro, ou melhor, os terceiros (há oito no total) são bastante inesperados.

Estes pontos, com efeito, encontram-se situados sobre os dedos do lado da palma da mão, a meio caminho
entre as primeiras e as segundas articulações dos quatro últimos dedos, do indicador ao mínimo.

Tag "Mão" | Pontos que Curam | ferramenta de diagnóstico e esclarecimento.
Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com