Tag Archives: Medicamentos

Tratamento habitual

download 41 - Tratamento habitual

Depois de tudo isto, que poderemos concluir, no plano terapêutico?

Primeiro, que a base de qualquer tratamento é uma dieta séria. Elas são numerosas. O difícil não é emagrecer, mas manter, na vida corrente, a perda de peso. Como poderemos então ajudar-nos a nós próprios?

E, para começar, há medicamentos que fazem emagrecer?

Não hesitemos na resposta: muito poucos. E comecemos por falar daqueles que devemos evitar: os moderadores do apetite, os extractos de tiróide, os diuréticos. Os primeiros são perigosos para os nervos, os outros dois não passam de variedades ilógicas, porque nem a tiróide nem a água têm a ver com a obesidade. Então, que nos fica? Algumas enzimas, um tratamento homeopático — um verdadeiro—, quando é bem conduzido, e a nossa terapêutica.

Tratamento habitual

IM 004 300x200 - Tratamento habitual

Para além dos casos em que é encontrada uma causa curável, o tratamento consiste em tomar durante muito tempo, ou até mesmo indefinidamente, produtos químicos, entre os quais o mais conhecido é o gardenal.

Estes medicamentos não têm senão um papel de proteção e não possuem qualquer efeito curativo.

Tratamento habitual

IMG 09851 300x300 - Tratamento habitual

A crise de hemorroidal é geralmente tratada com medicamentos flebotónicos. Estes medicamentos são tomados pela boca, mas, sobretudo, aplicados pela via local: pomadas, supositórios.

A trombose hemorroidária, a pequena «bola» do ânus, precisa de sofrer uma incisão, tal como um pequeno abcesso; essa intervenção traz alívio imediato.

Quando as crises são muito próximas ou as hemorróidas demasiado volumosas, recorre-se a um tratamento radical, ou seja, a esclerose, isto é, a injeção nas hemorróidas de produtos que as «secam», ou então a intervenção cirúrgica.

As fissuras e fístulas têm tratamentos específicos: injeções e calmantes para as primeiras, tração por um fio para as segundas.

Quanto ao prurido anal, pela sua tenacidade, provoca muitas vezes o desespero dos doentes… e do médico.

Causas

am 79218 2123420 546250 300x225 - Causas

A urticária vulgar está sempre ligada a uma reação a um produto estranho, medicamentos, alimentos (morangos, ostras, etc), ou a uma picada de insecto, por exemplo.

É exatamente o tipo de doença alérgica.

Pelo contrário, a urticária crónica faz intervir noções de «terreno», que ainda não estão completamente definidas.

Tratamento habitual

Massagem 240x300 - Tratamento habitual

O tratamento habitual é constituído por calmantes e medicamentos para descontrair, que aliviam os efeitos e não a causa. Na verdade, o tratamento fundamental do torcicolo e das dores da nuca é a manipulação vertebral, que volta a colocar no seu lugar a ou as vértebras que dele se deslocaram. Mas uma manipulação só deverá ser feita por um terapeuta muito experiente, uma vez eliminadas as causas graves (fratura, tumor, etc).

Tratamento habitual

medicament 300x200 - Tratamento habitual

Compõe-se essencialmente de repouso e calmantes. O doente é deitado sobre uma cama dura, eventualmente um gesso. A isso se associam calmantes e medicamentos para descontrair, quer gerais, quer locais (infiltração de cortisona).

Na verdade, é com grande frequência que uma manipulação vertebral restabelece a normalidade e suprime a dor.

Podemos dizer que a «dor de rins» é uma doença da nossa civilização, na qual já não existem exercícios físicos normais: vamos da cama para o ascensor, do ascensor para o carro ou para o metro e daí para acadeira do escritório ou para a máquina da fábrica.

Tratamento habitual

analgesicos 300x225 - Tratamento habitual

Quando é preciso tratá-la, utiliza-se grupos de medicamentos com atividades diversas:

• Uns agem por forma a «despejar» do corpo a água e o sal; são os diuréticos;

• Outros impedem a subida da tensão; são os chamados betabloqueadores;

• Outros, finalmente, agem sobre as hormonas hipertensivas que já referimos, inibindo a sua ação.

Em todo o caso, para a medicina clássica, o doente deve ser submetido a tratamento durante toda a sua vida.

Mas é difícil conseguir que um paciente que não se sente mal use drogas, que não são desprovidas de inconvenientes de toda a ordem, sendo o mais notável a impotência sexual.

Tratamento habitual

medicament 300x200 - Tratamento habitual

É médico, na grande maioria dos casos, e utiliza dois grandes tipos de medicamentos, os antiácidos e produtos novos, anti-histamínicos específicos do estômago.

As operações cirúrgicas têm tendência para se tornarem cada vez mais raras, excepto nos casos de cancro, em que são imperativas.

Tratamento habitual

Tryptanol 233x300 - Tratamento habitual

Pensou-se durante muito tempo ter resolvido o problema da depressão com o aparecimento dos tranquilizantes. E, com efeito, com esse tipo de medicamentos foi possível, pela primeira vez, modificar um estado mental.

Mas o sucesso ultrapassou, por assim dizer, as esperanças. Os tranquilizantes são os medicamentos mais utilizados em todo o mundo, a sua venda faz-se às toneladas. Infelizmente, não são desprovidos de inconvenientes e provocam sonolência e apatia. Além disso, provocam habituação, aumenta-se as doses, e cai-se numa perigosa escalada terapêutica.

Tag "Medicamentos" | Pontos que Curam | ferramenta de diagnóstico e esclarecimento.
Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com