Tag Archives: Sangue

Definição

DSCN0117 1142x8571 300x225 - Definição

Todos estes incómodos têm como causa uma perturbação da circulação «de regresso» dos membros inferiores.

Sabemos que é através das artérias que o sangue é enviado aos tecidos pelo coração; estes são depois alimentados graças aos capilares, e, finalmente, o sangue regressa ao coração pelas veias.

As perturbações da circulação venosa são assim, essencialmente, doenças das veias.

Mas há dois sectores na circulação venosa dos membros inferiores, um profundo, por entre os músculos, quase junto aos ossos, e um superficial, que serpenteia sob a pele.

O maior acidente que pode ocorrer é a obturação de uma veia, bloqueada por um coágulo, estamos perante uma flebite, flebite profunda se atinge o primeiro sector, peri ou paraflebite se atinge o sector superficial.

A par deste acidente agudo, existe uma dilatação passiva das veias superficiais: são as varizes.

A partir destas duas doenças surgem todas as complicações possíveis: pernas inchadas, pernas pesadas, úlceras varicosas, etc. Ocupemo-nos delas, umas após outra.

Causas

Ataque Cardiaco 232x300 - Causas

Como já dissemos, a insuficiência cardíaca é a fase terminal da evolução de doenças dos pulmões ou do coração.

Primeiro do pulmão, porque este órgão é uma verdadeira esponja de sangue. Desde que haja uma resistência à passagem desse sangue, o coração força-se, esgota-se; chegamos à insuficiência cardíaca direita, mais global. É o que se passa em caso de bronquite crónica, de enfisema, etc.

Depois do coração. Entre as doenças do coração que conduzem à insuficiência cardíaca, as mais frequentes são as doenças que atingem as válvulas do coração, o enfarte do miocárdio, que torna não funcional uma parte do músculo cardíaco, ou certas doenças do próprio músculo (miocardiopatias).

Causas

rad6chycwb3ejn2032122132102432052mui3a9g6za8uqds 300x200 - Causas

É tentador invocar, como base da impotência, uma perturbação da secreção das hormonas masculinas. Na realidade, estas estão muito raramente em causa.

A impotência é psicológica, numa grande maioria dos casos. Quase sempre em casos de falta de desejo ou de ejaculação prematura, mas, e isso é um dado novo, menos vezes nos casos de perturbação da ereção.

Nesses casos, com efeito, demo-nos conta de que existia muito mais frequentemente um problema nos vasos que trazem o sangue ao pénis.

Ora o mecanismo da ereção depende dos vasos sanguíneos, e sobretudo das artérias. Nesse momento preciso, elas dilatam-se e enchem o órgão de sangue. Compreende-se facilmente que se os vasos forem insuficientes ou, por maioria de razão, entupidos, todo o processo fica bloqueado.

É por isso que os cirurgiões se lançam em operações cada vez mais audaciosas, que têm como finalidade:

• Desobstruir a artéria atingida;

• Ou trazer até ao pénis sangue de uma artéria que lhe é estranha, mas saudável, realizando aquilo a que se chama uma ligação arteriovenosa;

• Ou então, finalmente, cúmulo da audácia, colocar uma prótese, isto é, um corpo estranho, no pénis, que recupera então a sua rigidez. E para que a imitação seja completa, as próteses fixas, utilizadas inicialmente, foram atualmente substituídas por próteses que podem aumentar de volume por meio de um fluido que é instalado e que se despeja conforme se pretende.

Tratamento habitual

Cortisol 3D vdW 300x272 - Tratamento habitual

O tratamento de fundo, bem entendido, depende da causa e não trataremos dele aqui.

Pelo contrário, fazer parar a hemorragia representa uma verdadeira situação de urgência por isso são utilizadas todas as drogas hemostáticas, isto é, que ajudam a coagular o sangue, associadas ou não a hormonas que fazem contrair as próprias fibras do útero.

Definição

osteo 10241 271x300 - Definição

Qualquer perda anormal de sangue pela vulva, que ocorra na mulher.

Mas, dir-se-á, a perda de sangue é normal na mulher, uma vez que se trata das regras.

Por isso é necessário precisar que a perda pode ser anormal em função de três razões:

• Ou porque ocorre por altura das regras, mas em quantidade ou com uma duração excessivas; estas hemorragias designam-se por menorragias;

• Ou ocorrem fora do período menstrual: são as metrorragias;

• Ou surgem antes ou após as idades em que a mulher é menstruada, na menina ou na mulher idosa.

Formas

edema pulmonar 300x225 - Formas

É clássico distinguir a insuficiência do coração direito, no qual é a parte do coração que envia o sangue para os pulmões que é atingida, e a insuficiência do coração esquerdo, em que é o resto do órgão que se encontra enfraquecido.

Na verdade, na maioria dos casos a insuficiência cardíaca é global.

Sinais

Ma circulacao nos pes 2 300x200 - Sinais

Um certo número de sinais traduzem quase constantemente o estado de insuficiência cardíaca. Esses sinais revelam-se das seguintes maneiras:

— O depósito de sangue em diversas partes do organismo onde o coração já não pode bombeá-lo. Trata-se de partes do corpo que podem, em suma, desempenhar um papel de reservatório, a saber:

• As pernas que incham, é o inchaço ou edema dos dois membros inferiores;

• O fígado que aumenta de volume, provocando frequentemente perturbações digestivas, é designado, de uma maneira sugestiva, como «fígado acordeão»;

• Os pulmões, finalmente, que podem deixar-se invadir subitamente pelo sangue, é o dramático edema agudo do pulmão, que exige uma terapêutica de urgência; ou então que se deixa inundar progressivamente, o que provoca uma dificuldade respiratória ou dispneia e expectoração, que poderão ser interpretados como bronquite.

Em resumo, a tríade: edema, fígado grande, dispneia. Outros sinais traduzem a fadiga do músculo cardíaco:

— Acelera para tentar compensar com a velocidade aquilo que já não tem força para fazer, temos então a taquicardia;

— Aumenta de volume, dilata-se, isso é sobretudo visível por meio dos raios X.

Causas

prisao de ventre na gravidez 300x199 - Causas

Relativamente às hemorróidas, responsabilizou-se durante muito tempo a prisão de ventre que obrigando a “fazer força” sobre as veias, as tornava varicosas. Na realidade parece que a responsabilidade deverá ser antes atribuída à diarreia. Digamos que qualquer perturbação digestiva as pode fazer surgir, tal como aliás, qualquer obstáculo à subida do sangue venoso: a gravidez, por exemplo.

Quando às fissuras e fistulas anais, as suas origens são bem diversas, sendo as primeiras geralmente consequências de uma rutura da mucosa posterior a pressões demasiado fortes: prisão de ventre rebelde, gravidez e as segundas a uma anomalia da nascença que permitiu a formação de pequenas “bolsas” abertas na pele e por vezes no intestino.

Formas

download 23 - Formas

O bócio simples deforma a parte da frente do pescoço de uma maneira mais ou menos irregular. Por vezes, é unilateral; outras vezes, mergulha no tórax, sob o esterno.

O bócio tóxico apresenta-se sob duas formas:

• Ou o corpo da tiróide se «embala» na totalidade: é a doença de Basedow;

• Ou então é só uma parte, um «caroço», que dilata, se torna palpável numa glândula normal: é um nódulo tóxico.

Os exames permitem distinguir com segurança as duas variedades de bócio.

No bócio simples, tudo está normal.

No bócio tóxico:

• No sangue: — o colesterol está baixo; — há, principalmente, aumento do iodo e das hormonas da tiróide.

• No corpo: mede-se o reflexo do tendão de Aquiles, que reage demasiado depressa à percussão do martelo de reflexos;

• Ao nível da glândula: fazendo absorver iodo radioativo em pequena quantidade, ela «fotografa-se» a si própria, e podemos ver se fixa demasiado iodo e, portanto, se funciona demasiado na totalidade ou em parte.

Tag "Sangue" | Pontos que Curam | ferramenta de diagnóstico e esclarecimento.
Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com